segunda-feira, 11 de abril de 2011

Paleolítico Inferior: 2000000 a 40000 a.C

O Período Paleolítico Inferior (do grego paleos = antigo + lithos = pedra) é o período mais longo da Pré-História. Ele abrange a fase das glaciações, quando baixas prolongadas da temperatura provocaram a expansão da calota polar, alterando profundamente o clima do Hemisfério Norte. A América do Sul também sofreu glaciações, mas antes que o homem nela se fixasse.

Os geólogos identificam quatro glaciações no Hemisfério Norte. Elas começaram cerca de 600000 anos atrás e se prolongaram, intercaladas com longos períodos mais cálidos, até perto de 10000 a.C. Durante as épocas glaciais, os ancestrais do homem atual abrigavam-se em cavernas e viviam basicamente da caça. Às vezes, a escassez de alimento os obrigava ao nomadismo (mudança constante de endereço). Para abater os grandes mamíferos dessas fases de baixas temperaturas (mamutes, rinocerontes lanudos, bisões e alces), os homens começaram a organizar-se em grupos e a estabelecer laços de cooperação e solidariedade, pois disso dependia a própria sobrevivência da espécie.

O maior passo dado pelo homem no Paleolítico Inferior foi a utilização do fogo, que lhe permitiu aquecer-se, obter iluminação à noite, afastar animais ferozes e cozinhar alimentos. Esse grande avanço deveu-se ao Homo erectus. Inicialmente, os homens procuravam conservar o fogo provocado por causas naturais (queda de um raio sobre uma árvore ou um incêndio florestal); depois, por volta de 500 000 a.C., passaram a desenvolver técnicas para produzir fogo.

Os primeiros utensílios de pedra eram muito simples (daí o nome de Idade da Pedra Lascada, dado ao Período Paleolítico). Com o decorrer do tempo, esse instrumental tomou-se mais elaborado, inclusive com a adição de componentes de madeira. As armas evoluíram, surgindo as lanças, facas e machadinhas. E, como a expansão dos grupos humanos começou a gerar conflitos, os artefatos de caça foram adaptados para a guerra.

No final do Paleolítico Inferior, os homens de Neanderthal começaram a sepultar os mortos, nas cavernas ou em suas proximidades. Alimentos e armas eram enterrados com os corpos, denotando algum tipo de crença ligada ao sobrenatural.

8 comentários:

Anônimo disse...

DA HORA PSÔR RÔNEI A-D-O-R-E-I KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!!!!!!!!!!!!!!

Daniel disse...

MASSA PSÔR,FRAGUEI GERAL

Guilherme Godrim 6 A disse...

o q que é aquilo na primeira imagem

wellington disse...

anem a minha professora de arte e doido
ela q q a gente faz cada coisa kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Soou Maraviilhoosa !! disse...

Amei amei prof continua fazendo isso !!

Soou Maraviilhoosa !! disse...

oie professor ..Admiro seu trabalho..Continua assimm !!

Débora disse...

parabéns, muito legal.

Anônimo disse...

Valeeeeu Professor , me ajudou bastante . Queria um professor como voce , minha professora é uma m****